2 Comments

  1. Sergio Beggiato
    2 de setembro de 2016 @ 03:06

    Que coisa gostosa! Docemente melancólico, e inspira uma agradável nostalgia pelas histórias que ainda vamos contar e os amores ainda a viver… Simplesmente fantástico 🙂

    Beijos, Amanda!

    Reply

    • amandajacobus
      2 de setembro de 2016 @ 03:17

      Muito obrigada, querido! Sempre maravilhoso ler teus elogios! 🙂

      Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

13

Meu nome é Amanda Jacobus. Publicitária, curiosa, leitora, viajante.

Criei o Livres e Selvagens em 2011, mas foi só em 2014 que coloquei minha cara no mundo, divulgando e fazendo um trabalho semanal. O nome Livres e Selvagens surge da frase de Thoreau: “Todas as coisas boas são livres e selvagens”… Leia mais

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Receba nossos posts por e-mail e fique por dentro!

Facebook

Pinterest

Follow Me on Pinterest