coroa de flores

A música chegou de mansinho em seus fones de ouvido naquele dia chuvoso. Era uma melodia desconhecida, mas que gerou uma imagem em vídeo, com certos ruídos, em sua mente. Um filme novo, recém lançado, como se rolasse de um projetor com aquele som peculiar e ela estivesse sentada na sala de um cinema antigo. Um vestido branco girava levemente, com uma dupla de sapatinhos brilhantes, que se movimentavam como se estivessem voando. Outro par de pés, com sapatos pretos bem alinhados e lustrosos, indicavam o roteiro devagar, como se quisessem aproveitar ao máximo aquele momento em que ambos os calçados se encontravam.
Milhares de velas estavam acesas ao redor deles, assim como diversas pessoas os olhavam. Algumas, com lágrimas nos olhos, mas nenhuma delas deixavam de sorrir pela imagem dos dois apaixonados. O vestido dela era simples, algumas rendas faziam com que ela parecesse uma fada, uma criatura mágica. Ele, por sua vez, fazia o perfeito papel de um príncipe moderno, com seus olhos brilhando ao ver sua princesa. Os cabelos dela desciam ondulados até seus quadris finos e uma coroa de flores do campo enfeitava sua cabeça cheia de sonhos e objetivos conjuntos. Ambos estavam completamente focados um no outro, de tal maneira que não percebiam ninguém mais no ambiente ao ar livre. Para eles, o lugar estava vazio a não ser por seus corpos abraçados, um milhão de possibilidades e aquela música, que levou a moça em uma viagem instantânea para um só destino: um conto de fadas.

de0ea0a0882d30437b142aeea9d52bb7

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s