Mar

Tu és mar. Eu, surfista.
Vez em quanto me leva calmo e tranquilo, faz leveza das tuas marés. Noutras, me joga da prancha. Afogo-me no fundo da tua água, me enrosco nas algas e me arrasto na areia áspera.
Mas te esqueces que lá no fundo, tudo também é belo. Tu mesmo conheces, de cor e salteado, as criaturas multicores do teu interior.
Prefiro o meio termo. Nem calmo, nem violento. Ondas fortes, mas que me levam junto, em tubos de água e adrenalina pura.
Conjunto. Mar e surfista. Reunidos sob o sol como íntimos amigos.

image

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s