Sobre confiar no universo: Renée vai viajar

Oi, tudo bem? Hoje falta exatamente um mês para minha viagem. Vou para Paris, sem nunca sair do Rio Grande do Sul. Mesmo assim, na cara e na coragem, fechei um pacote com a USB Intercâmbio e embarco no dia 06/01/2018. Ficarei hospedada por 14 dias em uma casa de família, com quarto privado e duas refeições por dia. Uma verdadeira vida de francesa por duas semanas.

France Cooking GIF by Disney Pixar - Find & Share on GIPHY

Nunca andei de avião, nunca fui para mais do que três horas de distância da minha casa e estou bem ansiosa, então decidi começar a falar sobre essa aventura e contar para vocês como foi que tudo isso aconteceu e está acontecendo. Senta que lá vem a história!

Sempre fui focada, acredito muito no poder do universo e tenho vários privilégios na minha vida, mas o dinheiro nunca foi um deles: minha mãe é dona de casa, meu pai era agente funerário e eu sou publicitária, e todo mundo sabe que nenhuma dessas ocupações dá muito dinheiro. Após sair de um emprego que eu tinha em uma clínica médica, comecei a receber seguro desemprego. Moro com meus pais, não tenho grandes contas para pagar e, além dessa renda que eu estava recebendo, fazia dois freelas de social media que me possibilitaram um dinheirinho extra, então resolvi investir em uma viagem! E vamos ser sinceros, este é um ótimo investimento.

Fly Flying GIF - Find & Share on GIPHY

Vou estudar Francês Geral na LSI Paris, que fica ao lado do Centre Pompidou e perto da Catedral de Notre-Dame. A escola possui uma ótima estrutura e conta com alunos de mais de 123 nacionalidades diferentes. Serão quatro aulas teóricas e práticas por dia durante as manhãs, de segunda a sexta, que servem para melhorar as expressões de comunicação em uma variedade de situações do cotidiano.

Paris_InFrontOFSchool

Meu local de estudos por duas semanas em janeiro | Foto: Study Expert

Imagina a minha ansiedade! Consegui um bom desconto no pacote de intercâmbio de curso de idiomas por ser baixa temporada e inverno na França. O valor total do pacote, fora os 800 euros que o pessoal da USB Intercâmbio me indicou levar, foi de R$ 9.568,37 incluindo as passagens aéreas, seguro saúde, curso, acomodação e complementos. É uma grana meio assustadora, mas como surgiu a oportunidade me joguei de cabeça. Pensei: quando é que vou ter essa chance de novo? (Espero que não demore muito, mas já que surgiu bora aproveitar né?)

Hehe 🙂

Paris_ReceptionDesk

A entrada da escola de Francês | Foto: Study Expert

É muito engraçado e estranho falar sobre isso, pois nunca imaginei que essa história de viajar pelo mundo começaria tão cedo na minha vida. Ainda nem acredito! É até difícil expressar o quanto é mágico que, em um mês, vou para um lugar que sempre sonhei conhecer, verei neve e andarei por ruas que só vi em filmes. Felicidade pode resumir tudo.

As coisas foram acontecendo bem rápido e admito que fui até um pouco impulsiva, mas não me arrependo. Estudei francês dois semestres no Atelier des Mots aqui em Porto Alegre, e desde o colégio sempre me interessei por filmes franceses, o idioma francês e viajar para Paris. Não poderia ser outro lugar, isso sempre esteve em mim. Então cá estou eu: com muitos boletos de parcelas para pagar, um coração quase saltando do peito e feliz em poder contar sobre essa oportunidade incrível para vocês!

Por favor, me desejem sorte! No próximo post falarei sobre métodos de estudo, cuidado com a saúde e aplicativos que estou usando para me preparar para a viagem. Bora começar a acompanhar minhas peripécias?

Tem alguma dica para me dar? Conta aí nos comentários 🙂

Até a próxima! ❤

ass_renee

Anúncios

3 comentários sobre “Sobre confiar no universo: Renée vai viajar

  1. Boa sorte na sua viagem, Renée. Tive minha primeira experiência fora do país ano passado, em Buenos Aires, e outra lá também esse ano. Paris é um objetivo meu pro futuro próximo.
    Acho que as únicas dicas que poderia dar é não foque demais no turismo (claro, tudo depende do que você gosta e procura, então outra dica é não dar muita bola pra dicas). Outra coisa, Paris é grande demais pra uma viagem só, focar em bairros é sempre um bom plano, mesmo que você deixa outras coisas de lado – acho melhor uma experiência profunda com pouco do que uma superficial com muito. Mas, principalmente, não tenha medo de falar o idioma, mesmo que você não o domine. A maior parte (talvez não a maior … ok … uma parcela considerável) das pessoas tá disposta a te entender e te ajudar – estarão mais dispostas do que se você só ir pro inglês ou pra linguagem universal da mímica vaga logo no primeiro contato.

    Agora pra autopropaganda desavergonhada: estou há anos trabalhando num diário de viagens, então indico essa leitura, que não vai te ajudar a viajar, mas pode ajudar em algum aspecto – https://deliriumscribens.wordpress.com/category/zuihitsu-ba/

    • Oi, tudo bem? Peço desculpar pela demora! Final de ano é correria e juro que teu comentário me deixou tão feliz que nem sabia o que responder!

      Gostei MUITO das tuas dicas e das tuas experiências. Mesmo que tu não tenha ido para Paris (ainda vai), tua vivência em outro local e a tua visão sobre conhecer outro cantinho do mundo me deixaram mais segura. Gostei muito da ideia de não focar no turismo e me concentrar em alguns locais para ter uma experiência mais profunda. E sobre o medo de não falar o idioma: era tudo que eu precisava ler!

      Estou imensamente agradecida. Muito obrigada ❤
      Ah, segui teu blog e curti a página do Facebook! Gostei muito da ideia!
      Um ABRAÇÃO da Renée

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s