Como organizo minhas viagens

Oi pessoal, tudo bem? Aqui quem escreve é a Amanda.

No ano passado, não consegui viajar como gostaria. Com a grana mais curta por causa de vários projetos (e também por causa da economia), acabei fazendo viagens mais curtas, para o interior do Rio Grande do Sul. Ruínas de São Miguel das Missões, Casa da Ovelha, em Bento Gonçalves… Conhecer seu próprio estado é perfeito quando não se tem condições de fazer uma viagem maior!

Mesmo assim, já estava me programando para uma trip mais complexa em 2018. Foi então que duas oportunidades apareceram. Primeiro, chegou a Black Friday. Queria conhecer o Rio de Janeiro, que não estava na minha lista até ler o livro 1815, sobre a chegada da família imperial portuguesa ao Brasil. Na oportunidade, comprei um pacote com voo + hotel + transfer por cerca de R$ 800,00, no Decolar.com. De 02 a 06 de março, estarei passeando pelas ruas imperiais do Rio, conhecendo ainda mais a história do Brasil!

rio

Foto: Pexels

A segunda oportunidade chegou por meio da Agência Bem Vino, que apresentou um pacote de tirar o fôlego para a Turquia. Estava com um preço que não dava para negar. Em Setembro, estarei usando uma bela pashmina para cobrir a cabeça ao entrar em uma mesquita histórica de Istambul. Animação? Muita! Falarei mais sobre esta viagem ao longo do tempo.

Pronto. Pacotes comprados. Mas e agora? O pacote para a Turquia inclui passeios e visitações, já está todo organizado. Mas o do Rio de Janeiro não. Tenho 05 dias inteiros para fazer o que quiser, e quem me conhece sabe que eu gosto de planejar coisas. Por isso, criei este post: para compartilhar como eu planejo minhas viagens! Vamos lá?

  1. O primeiro recurso que utilizo é o Google Maps. Uma utilidade incrível para se planejar uma viagem. Você pode marcar com estrelinhas locais especiais que quer conhecer. Antes de mais nada, marque no mapa ONDE fica a sua hospedagem. A partir disso, você já sabe onde está e para onde pode passear a pé. O Google já marca vários locais turísticos automaticamente no mapa, então fica fácil enxergar as diversas opções que você tem para visitar. Olha como ficou uma parte do meu mapa no RJ:
mapa

O mapa, cheio de estrelinhas amarelas indicando locais de interesse

Dica: Você precisa ter uma conta no Gmail para poder guardar essas estrelinhas. Aí, consegue acessar de qualquer lugar: pelo celular, tablet, computador…

Notem que marquei ali o meu hotel. Começarei a postar reviews de hotéis que visitar, para contar minha opinião sincera e sem frescuras sobre o que acho dos lugares para hospedagem (em termos de custo x benefício).

2. A partir do mapa e suas marcações, crio uma tabelinha no Excel (ou na mão mesmo, usando post-its para marcar as coisas). Na tabela, coloco os dias de viagem e a divisão MANHÃ, TARDE e NOITE. Assim, consigo pensar em passeios, restaurantes e outras atrações que se encaixem no roteiro.

tabela

Quanta coisa dá pra fazer em um dia?

Dica: Pesquise nos sites OFICIAIS sobre o passeio que você quer fazer. Lá eles colocam o valor atualizado. Não são todos que apresentam o tempo de duração dos passeios, então, pesquise em blogs de viagens (como o meu!) quanto tempo você vai passar em cada atração.

Dica 2: Sempre coloque preço ao lado dos passeios. Assim, fica mais fácil saber quanto você vai gastar durante a viagem e quanto deve levar de dinheiro. Além disso, pesquise nos sites para ver se você consegue comprar alguma coisa online. O AquaRio, por exemplo, consegui comprar online e ainda com desconto do clube de pontos do cartão Santander.

Dica 3: Já pesquise alguns restaurantes perto de onde você estiver. Mas não se prenda por essas opções. Se surgir algo mais legal, vá fundo e aproveite!

Dica 4: Você NÃO PRECISA ir aos locais mais turísticos da cidade se não estiver com vontade. Não vou visitar o Cristo Redentor, porque não tenho interesse em conhecê-lo e pelo motivo de: o custo é alto e o benefício (para mim, especificamente) é baixo.

A ideia é que você tenha um PLANEJAMENTO e não uma REGRA a ser cumprida. Seja flexível e deixe o coração te levar para algum lugar interessante, se você sentir que deve. O planejamento existe para que você possa aproveitar ao máximo sua viagem, sem ficar divagando e passeando sem rumo (a menos que este seja o seu objetivo). Afinal, viajar não é barato né? E passa muito rápido.

E vocês? Têm alguma técnica de planejamento de viagens, um app, um estilo de planejar diferente para me contar? Os comentários estão aí, vou adorar saber como vocês organizam os passeios e atrações das trips de vocês! 🙂

Até a próxima!

Anúncios

Diário de Bordo em Paris – Parte 03

Bonjour, ça va? Comigo ça va, valeu!

Aqui é a Renée! Já voltei de Paris, mas como estão rolando muitas novidades aqui no blog (inclusive um novo site por vir – SPOILER!), meu post de diário de bordo está acontecendo já no meu retorno. De qualquer forma, vim falar mais um pouquinho sobre Paris! E vamos concordar: falar disso nunca é falar demais, né? 🙂
Vou dividir esse post sobre os museus em dois, para que não fique muito extenso.
Gosto muito de arte. Minha vida e escolhas sempre giraram em torno disso. Amo como pinturas podem mostrar toda a atitude de uma época, como o teatro faz com que as pessoas tirem do peito, através dos gestos, os mais diversos sentimentos e como o cinema reflete nossos desejos, por exemplo. É claro que a arte seria um dos meus focos aqui em Paris, e posso dizer que realizei muitos sonhos dentro de um só.
O primeiro lugar que visitei foi o Centre Pompidou, que é incrível. Foi também o primeiro local que contemplei em Paris. Ele é enorme, oferece uma vista maravilhosa da cidade, tem uma arquitetura divina e é um prédio cheio de jovens e coisas acontecendo. Fica no centro de Rambuteau, então imagina minha paixão! O ingresso custa 16 euros.
O Pompidou é ENORME, então prepare-se para ir bem descansado, bem alimentado e bem humorado. São três andares de exposições de arte  moderna  e contemporânea. Fui duas vezes pois no primeiro dia, mesmo entrando às 11h e saído às 16h, não consegui ver tudo. Gostei muito da exposição de fotografia no subsolo (com entrada gratuita) e da área de arte moderna, com artistas como Picasso, Andy Warhol e Matisse.
02
Fui sem almoçar e quase morri, mas dentro do Pompidou, perto da biblioteca, há tipo uma lancheira/mercado com comida baratinha. Comprei um suco de caixinha, um pacote de M&M’s, uma massa italiana com queijo (tipo Cup Noddles só que muito melhor) e um sanduíche de frango e tudo deu menos de 10 euros. Valeu para matar a fome. E sim, eu estava com MUITA fome.
Esse lugar é engraçado pois tem praticamente só estudantes jovens (que usam a biblioteca para estudar). Todo mundo come sentado no chão e rolam conversas em voz alta. Um clima bem bacana, ainda mais para quem estiver aprendendo francês. 🙂
Um lugar lindo e apaixonante, é a Casa do Victor Hugo. Além de ficar em frente a uma praça muito lindinha chamada Place de Vosges, o lugar é incrível. É impressionante pensar que alguém morava lá. O cara tinha muito bom gosto. Ah, e dica: a entrada é gratuita 🙂 Um ótimo passeio para quem gosta de arte, de decoração, moda ou só pra quem curte ver coisas belas mesmo.
04
Deu pra notar que eu sou fã do 0800, né? Fui no Museu Nacional do Picasso, um cara que acho genial, destemido e visionário. Entrei de graça por ser estudante 🙂 Foi muito legal ver quadros que eu só havia visto em livros, finalmente “face to face”. A emoção é única, uma das melhores sensações que já tocaram meu coração. A exposição estava bonita, focada na tensão sexual das obras do artista nos anos 40.
01
Por hoje é só, já escrevi demais.
No próximo post falarei sobre mais lugares que visitei. Em breve também vai rolar um post dando dicas de como gastar pouco dinheiro e outro sobre como foi morar com uma família francesa. O que acham? 🙂
Até a próxima!
@notingrata @livreseselvagens
ass_renee

Diário de Bordo em Paris – Parte 02

Bonjour, ça va? Aqui é a Renée, direto de Paris e cheia de vontade de contar tudinho que estou vivendo para vocês!

Vamos lá? 🙂
Visitei o Hôtel de Ville, um lugar INCRÍVEL perto da minha escola. A LSI Paris fica na Rue de Renard, bem central, então fomos a pé mesmo com uma professora de francês muito querida. Todas as professoras da escola são francesas, então imagina ver uma exposição em Paris com direito a explicação no idioma local? Uma experiência única.
Ela falava tudo bem devagar e tirava todas as dúvidas sobre vocabulário. Eu amei! A exposição era sobre a Noite de Paris através de séculos, e incluía vestimentas e objetos originais de diferentes época, vídeos, fotos e músicas.
22
Paris sempre foi uma cidade agitada e turística e a noite sempre foi uma loucura, com muitos bares, festas e shows. Uma cidade iluminada. Gostei de uma parte que falava sobre as pessoas que estavam por trás de tudo, como garçons, seguranças e dançarinas. A entrada da exposição é gratuita e vai até dia 27/01 🙂
Quero contar o quanto estou apaixonada pelas diferentes gastronomias que podemos encontrar aqui. Achei minha comida favorita do mundo: a da cultura libanesa! Almocei três dias seguidos em três restaurantes libaneses diferentes. A comida tem um sabor maravilhoso e temperos de atitude, além dos libaneses serem muito queridos. Kebab, falafel, homus e kibe: amo vocês, pessoal!
23
Outra coisa pela qual estou apaixonada é os crepe. Até agora só comi no mesmo lugar pois lá trabalha um moço que é indiano e vive há 10 anos em Paris. Ele é muito gentil, me sinto em casa. No meu primeiro dia de aula, almocei um crepe salgado de frango com queijo e um de Nutella e foi paixão à primeira mordida. O lugar não tem nome, mas é uma tenda vermelha e pequena que diz só Creprerie na frente do Pompidou!
24
Eu gosto muito de arte no geral e acho arquitetura muito legal, pois ela é capaz de mostrar tudo que já aconteceu em uma cidade. Fui dar uma olhadinha no Centre Pastoral Saint-Merry, um lugar pequeno mas muito nostálgico e que parece que tem muita história pra contar, basta parar pra ouvir. Lá há alguns quadros e mosaicos que eu já vi em livros de história da arte, então fiquei muito emocionada. 🙂
Passei na frente da Igreja Santo Eustáquio. Não tem como explicar  a sensação de virar para o lado e dar de cara com algo tão espetacular e grandioso. A sensação é única e Paris é emoção a toda. Essa igreja foi erguida entre 1532 e 1632 e restaurada em 1840.
25
Eu estava do lado da igreja pois fui no Centro Comercial Saint Lazare Paris com um colega da escola, que queria comprar um DVD na Fnac. Além do shopping ter uma construção arquitetônica linda e eu ter visto muitas coisas legais, ainda ganhei um CD da ZAZ, uma cantora francesa que ouvimos na aula! O dia rendeu 🙂
A janta na minha casa é a partir das 20h, então eu volto cedinho, pego o metrô no máximo às 17h para voltar para Montreuil. Estou muito feliz, não paro de repetir isso e nem vou parar. Paris é uma cidade incrível e é engraçado como tudo é pertinho. Tenho a impressão de que às vezes caminho muito para um lado totalmente diferente e acabo chegando no mesmo lugar!
26
Enfim, estou apaixonada pela cidade. Tudo tão a minha cara! Meu lugar favorito, pelo menos por enquanto é o Leandro Marais, principalmente a Rue Rambuteau. É um lugar onde tem muita comida boa e barata e é um bairro jovem, alegre, descontraído e diverso, com pessoas de todas as idades, gêneros e nacionalidades. Meu lugarzinho no mundo 🙂
Então é isso por enquanto! Me contem nos comentários se conheceram algum lugar especial e fora da área turística em Paris!
ass_renee

Conheci a melhor geleia do Brasil

Oi pessoal, tudo bem?

Envio saudações com muita doçura no post de hoje, pois descobri a melhor geleia do Brasil e fica aqui no Rio Grande do Sul! No finalzinho de 2017 fiz uma pequena trip com a família para a Serra Gaúcha. Passeamos por Gramado e também visitamos Cambará do Sul (muitos posts por vir). Cambará é uma cidade bem pequena, que conta com o turismo ecológico como uma das suas forças. É lá que ficam os cânions Malacara e Itaimbezinho. E é lá que fica o Sítio Querência Macanuda, em meio ao clima gelado e as paisagens naturais deslumbrantes.

11

Espaço charmoso onde fomos apresentados aos produtos

O sítio produz geleias especiais e antepastos, com produtos orgânicos, como as amoras, as framboesas e os mirtilos. Assim que chegamos ao lugar charmoso onde eles fazem o atendimento aos turistas, os próprios donos do sítio nos receberam e apresentaram a proposta dos Sabores da Querência e os produtos.

15.png

A apresentação é feita com muito carinho pelo dono

Tudo é feito de forma 100% artesanal, com a coleta manual das frutas e sem qualquer aditivo químico na composição dos produtos. Aproveitam o açúcar natural da fruta, adicionando menos açúcar do que as geleias que compramos no supermercado. Além disso, as frutas são incorporadas inteiras, dando textura e ainda mais sabor. Água na boca só de lembrar!

13

Os vidrinhos pequenos

Provamos TODOS os sabores sem qualquer custo, sempre com as dicas preciosas do proprietário, indicando receitas nas quais as geleias poderiam ser usadas. Depois, foi o momento de escolher o que levar para casa. Meus favoritos foram as geleias de Framboesa, Bergamota, Alecrim e Manjericão. Uma mais incrível que a outra! Só não levei a de Bergamota porque estava esgotada devido à alta procura. Poderia sentar na frente do Netflix com um vidro de geleia e uma colher!

São a melhor geleia do Brasil, pois ganharam um prêmio como melhor pequena empresa da área agro em 2017. Entre os três finalistas, eles eram os únicos que vendiam geleias. Ou seja, a melhor geleia do Brasil é gaúcha! 🙂

O preço dos vidros maiores girava em torno de R$ 20,00. Os pequenos, R$ 7,00. Admito que não é barato, mas devido a todo o trabalho e forma artesanal com que tudo é feito, acabo por entender o valor disso tudo dentro do preço final. Sem dúvida, vale cada centavo.

Caminhamos um pouco pelo sítio também, com algumas árvores de mirtilo cheias de fruta. Fala sério, comer mirtilos direto do pé é um luxo, né?

Fica a dica para quem estiver pensando em passear por Cambará do Sul, essa visita é um ponto alto da cidade, sem dúvida!

Até o próximo post!

Amanda Jacobus

 

Diário de Bordo em Paris – Parte 01

Oi, tudo bem com vocês? Comigo tudo ótimo!

Aqui é a Renée e estou feliz de um modo indescritível. Cheguei domingo (07/01) na França, depois de 11 horas turbulentas e divertidas para Londres e mais 2 horas para Paris. As cidades são incríveis vistas de cima! A gente vive vendo a Europa em filmes e séries, mas ver com os próprios olhos é emocionante. Fui recebida muito bem pelo senhor do transfer e pela família! Meu quarto é uma gracinha, Montreuil é muito fofa e o casal é um amor. Os dois são muito atenciosos, divertidos e criativos. Além de mim, há mais três jovens estudantes na casa: uma chinesa, uma americana e um alemão, pessoas muito queridas e prestativas. Fui recebida com uma janta farta e brincadeiras típicas da cultura francesa. Já comecei bem!

03

Segunda já comecei com tudo: pegando metrô e indo pra aula! A moça que é dona da minha casa temporária fez a gentileza de me levar até a escola de metrô para ensinar o caminho. Aqui até andar de metrô é divertido! Comecei meu curso de francês na LSI Paris, um lugar muito legal, perto do Pompidou e da Notre Dame. Entrei no nível básico e adorei a aula! Passei a manhã inteira falando francês (bem básico) e foi super legal. Adorei a professora e os colegas! Almocei crepe e tomei vinho branco perto do Pompidou e fui conhecer o local. Não fiz nenhum roteiro pois decidi conhecer a cidade de forma intuitiva, deixando meu coração me levar. Paris é apaixonante e me ganhou no primeiro segundo.

04

Resumo: comi um crepe de Nutella e outro de frango com queijo e tomei vinho branco.
Já perguntaram 5789933 vezes se eu sou italiana.
Fui em um boteco francês pra tomar café, mas a cerveja tava mais barata. Adivinha o quê eu tomei? E nesse lugar todas as bebidas e comidas eram mais baratas se tu sentasse na bancada com o garçom.

05
Pedi um sanduíche na humilde e veio uma baguete GIGANTE. Resolvi fazer a rica e pedi o sanduíche de patê de champanhe com pepino e quase chorei e pensei em fugir porque era muito ruim.
Me perdi.
Fui no lindo e colorido bairro LGBT.
Descobri que aqui as pessoas fumam MUITO em todos os lugares.
Caminhei MUITO.
Fiquei muito feliz porque muita gente anda de patinete na rua e eu acho patinete o troço mais legal do mundo.
Descobri que não estou hospedada em Paris, mas sim em Montreuil e achei isso muito legal.
Não consegui conectar meu notebook no wi-fi da casa e não achei um adaptador pro cabo, e sinceramente tá sendo muito bom assim.
Falei só em francês na casa que estou hospedada.
Não falar português é muito estranho.
A comida que a família faz é muito deliciosa, farta e saudável. Sério, eles comem muito. Minha pancinha tá muito alegre.
Já estou completamente apaixonada pela França.
A Usb Intercambio ainda vai virar a melhor do Brasil, certeza.
Hoje tive certeza de que comunicação é a coisa mais linda do mundo, e às vezes ninguém precisa entender as palavras que o outro tá falando.

Escrevei mais sobre a viagem, está um pouquinho difícil pela falta de tempo e do notebook. Mas podem acompanhar pelo meu Instagram @notingrata e pelo NOVÍSSIMO Instagram do blog @livreseselvagens.

Merci! À bientôt e abraços da Renée 🙂

 ass_renee

Renée vai viajar – apps e canais úteis

Oi, tudo bem contigo? 🙂

Escrevendo o texto anterior foi a primeira vez que me “caiu a ficha” de que VOU VIAJAR! Fiquei nervosa, não nego. Mas é como dizem: nunca estamos preparados para as novidades que a vida coloca no nosso caminho, mas é importante ter coragem de dar o primeiro passo e encarar toda e qualquer aventura. Então vamos lá! Hoje vou contar um pouquinho sobre como estou me preparando para viagem e passar algumas dicas bem legais para vocês 🙂

France Photography GIF - Find & Share on GIPHY

Aplicativos

Estudo e informação ao alcance do nosso bolso. Lindo, né? O aplicativo que mais uso atualmente é o Memrise, que é incrível e muito divertido! Tem como princípio para um melhor aprendizado a ciência, a diversão e a comunicação com pessoas de diferentes culturas. Ele é em forma de jogo, onde você pode cultivar um colorido jardim em sua memória e cada palavra nova é uma nova semente a ser plantada. É como jogar videogame! Outro app que tenho baixado no meu celular é o Citymapper, que é de transporte público, Nele, além de ver os mapas do local onde você se encontra, você consegue visualizar quanto tempo demora de um ponto ao outro de uber, bicicleta, ônibus, metrô e trem. O legal é que o app também oferece as médias de preços de cada meio de transporte, avisa como está o trânsito e dá alertas de problemas que possam ter no caminho. Para turista nenhum se perder! 🙂

Blogs e Canais do Youtube

É claro que isso não pode faltar na lista, né? Um blog que gosto muito é o Conexão Paris, da maravilhosa Lina Hauteville, uma brasileira que vive há mais de 4 décadas em Paris e é apaixonada pela França. No blog, ela dá muitas dicas e informações atualizadas, testadas e selecionadas. Tem posts de bairros, de passeios de graça para fazer e de tudo que você possa imaginar e precisar, funcionando como um guia online turístico e cultural perfeito! E ela gosta muito de tomar café, coisa que me identifico bastante hehe 🙂 Outra pessoa que tenho acompanhado e me apaixonado mais a cada dia é a Danielle Noce. Ela viaja ao redor do mundo com o namorado, sempre em busca de lugares incríveis, dando cada vez mais vida para o seu quadro Dani Noce Viaja no seu canal do youtube. Há duas playlists que tenho assistido sem parar: uma de Paris e outra de Provence, no sul da França. A fotografia e a direção dos vídeos são maravilhosas e inspiradoras! ❤

 

Saúde

Como vou sair do calorão de Porto Alegre e vou direto para o inverno gelado de Paris, e minha imunidade não é lá essas coisas, resolvi me preparar para encarar as mudanças bruscas de temperatura: estou tomando meu anti alérgico nas horas certinhas, além de complexo vitamínico e cápsulas de óleo de alho. Ah, mas não se automedique, ok? Sempre peça a opinião de um profissional 😉

Algo que estou fazendo e noto bastante diferença de melhora na minha saúde em geral é a alimentação: estou comendo bem e de forma balanceada, pois frutas, verduras e legumes possuem todos os nutrientes que a gente precisa, então fica a dica. Alimentação saudável é TUDO e, com certeza, é o melhor remédio natural e acessível que você pode adquirir.

Vegetables GIF - Find & Share on GIPHY

E é isso! O que acharam? Dicas? Experiências que queiram compartilhar? Contem-me tudo nos comentários, quero muito ler! ❤ Dia 27/12 tenho pré embarque na USB Intercâmbio, então voltarei para contar tudinho, ok?

Um abração, a gente se lê! 🙂

ass_renee

Para onde vou no ano que vem?

Ufa, 2017 está quase acabando. Preciso mesmo recarregar as energias. No início deste ano eu tinha diversos objetivos que queria atingir antes de começar um outro. Perdi o medo de mostrar meu trabalho, meus desenhos, meus textos. Entrei para o RS Bloggers, colocando o Livres e Selvagens no mapa. “Terminei” e inscrevi meu livro no Prêmio Kindle de Literatura (não ganhei, mas me senti vencedora por ter conseguido fazer as correções com racionalidade). Comprei algumas coisas para minha casa. Enfim. Muitas coisas me desafiaram e agora chegou a hora de pensar em novos desafios para 2018.

Uma das coisas que eu tenho certeza é que quero viajar mais. Registrar mais, escrever mais, fotografar mais e criar mais conteúdo para este blog lindo que já conta até com uma colunista, a Renée. Já tomei as primeiras providências sobre as viagens este ano mesmo! Semana que vem vou para a Serra Gaúcha com minha família.

Também comprei na Black Friday um pacote lindo e com preço incrível para o Rio de Janeiro, que vou conhecer em março do ano que vem. Escreverei mais sobre a experiência e os cantinhos não tão turísticos da cidade. Até lá, muita coisa ainda vai rolar e vou contar tudo por aqui.

Por fim, comprei um pacote com minha família inteira para conhecer a Turquia. Passaremos 10 dias visitando os principais pontos de Istambul, Capadocia, Éfesos e outras cidadezinhas inspiradoras. Em outro post escrevo o roteiro e conto mais onde encontramos essa oportunidade única de viagem!

Istanbul lead-xlarge

Crédito da foto: SHCHIPKOVA ELENA

O que pretendo é viver muito, mas também REGISTRAR MUITO. Amo fotografar, gravar e mostrar como pulsam os lugares que visito. Claro, não o faço o tempo todo. Tenho plena consciência que pelas lentes de uma câmera ou um celular, não se vive a experiência plena de um local. Porém, tenho certeza de que muita gente gosta de acompanhar, seja pelo Facebook ou pelo Instagram (@amandakjacobus) os cantos desse mundão que a gente, de vez em quando, consegue presenciar.

Para registrar tudo isso, o ideal é ter um equipamento bacana, assim as fotos ficam bonitas e trazem boas lembranças depois. Por isso, recebi o contato da Bluezup para fazermos uma parceria que me deixou muito feliz.

01

Esta empresa aluga os equipamentos para que você possa experimentá-los antes de comprar. Você fica com o equipamento por 72 horas e depois devolve. Assim, dá pra ter mais certeza da compra, sem deixar um equipamento caro ou complexo jogado em um canto de casa sem usar. Dá pra testar câmeras como a Go Pro e a Canon 5D, por exemplo, que têm custo salgado. Achei muito bacana a iniciativa dessa startup, que chegou há pouco tempo, direto do Vale do Silício, ao Brasil. Eles estimulam a compra de eletrônicos de forma consciente, mais saudável. Legal né? ❤

Então seguinte. Quem curtiu a ideia e for seguidor do L&S ganha descontinho para locar qualquer equipo bacana do site! É só colocar o código LIVRESESELVAGENS na hora do pagamento e vocês ganham R$10,00 de desconto.

Entramos nessa campanha porque nós realmente acreditamos em uma compra muito mais pautada na consciência e no pensamento prático do que simplesmente pelo ego inflado. Se você pode, compra. Mas compra com consciência e sem enfiar o pé na jaca das dívidas! Espero que vocês também tenham curtido essa ideia.

Pretendo locar a Samsung Gear 360 para testar. É claro, conto tudo para vocês aqui no blog. Acho que vai ser uma experiência bem bacana.

Obrigada pela leitura e fiquem ligados nos próximos posts! 🙂

Amanda Jacobus

Sobre confiar no universo: Renée vai viajar

Oi, tudo bem? Hoje falta exatamente um mês para minha viagem. Vou para Paris, sem nunca sair do Rio Grande do Sul. Mesmo assim, na cara e na coragem, fechei um pacote com a USB Intercâmbio e embarco no dia 06/01/2018. Ficarei hospedada por 14 dias em uma casa de família, com quarto privado e duas refeições por dia. Uma verdadeira vida de francesa por duas semanas.

France Cooking GIF by Disney Pixar - Find & Share on GIPHY

Nunca andei de avião, nunca fui para mais do que três horas de distância da minha casa e estou bem ansiosa, então decidi começar a falar sobre essa aventura e contar para vocês como foi que tudo isso aconteceu e está acontecendo. Senta que lá vem a história!

Sempre fui focada, acredito muito no poder do universo e tenho vários privilégios na minha vida, mas o dinheiro nunca foi um deles: minha mãe é dona de casa, meu pai era agente funerário e eu sou publicitária, e todo mundo sabe que nenhuma dessas ocupações dá muito dinheiro. Após sair de um emprego que eu tinha em uma clínica médica, comecei a receber seguro desemprego. Moro com meus pais, não tenho grandes contas para pagar e, além dessa renda que eu estava recebendo, fazia dois freelas de social media que me possibilitaram um dinheirinho extra, então resolvi investir em uma viagem! E vamos ser sinceros, este é um ótimo investimento.

Fly Flying GIF - Find & Share on GIPHY

Vou estudar Francês Geral na LSI Paris, que fica ao lado do Centre Pompidou e perto da Catedral de Notre-Dame. A escola possui uma ótima estrutura e conta com alunos de mais de 123 nacionalidades diferentes. Serão quatro aulas teóricas e práticas por dia durante as manhãs, de segunda a sexta, que servem para melhorar as expressões de comunicação em uma variedade de situações do cotidiano.

Paris_InFrontOFSchool

Meu local de estudos por duas semanas em janeiro | Foto: Study Expert

Imagina a minha ansiedade! Consegui um bom desconto no pacote de intercâmbio de curso de idiomas por ser baixa temporada e inverno na França. O valor total do pacote, fora os 800 euros que o pessoal da USB Intercâmbio me indicou levar, foi de R$ 9.568,37 incluindo as passagens aéreas, seguro saúde, curso, acomodação e complementos. É uma grana meio assustadora, mas como surgiu a oportunidade me joguei de cabeça. Pensei: quando é que vou ter essa chance de novo? (Espero que não demore muito, mas já que surgiu bora aproveitar né?)

Hehe 🙂

Paris_ReceptionDesk

A entrada da escola de Francês | Foto: Study Expert

É muito engraçado e estranho falar sobre isso, pois nunca imaginei que essa história de viajar pelo mundo começaria tão cedo na minha vida. Ainda nem acredito! É até difícil expressar o quanto é mágico que, em um mês, vou para um lugar que sempre sonhei conhecer, verei neve e andarei por ruas que só vi em filmes. Felicidade pode resumir tudo.

As coisas foram acontecendo bem rápido e admito que fui até um pouco impulsiva, mas não me arrependo. Estudei francês dois semestres no Atelier des Mots aqui em Porto Alegre, e desde o colégio sempre me interessei por filmes franceses, o idioma francês e viajar para Paris. Não poderia ser outro lugar, isso sempre esteve em mim. Então cá estou eu: com muitos boletos de parcelas para pagar, um coração quase saltando do peito e feliz em poder contar sobre essa oportunidade incrível para vocês!

Por favor, me desejem sorte! No próximo post falarei sobre métodos de estudo, cuidado com a saúde e aplicativos que estou usando para me preparar para a viagem. Bora começar a acompanhar minhas peripécias?

Tem alguma dica para me dar? Conta aí nos comentários 🙂

Até a próxima! ❤

ass_renee

Emoção com a Epopeia Italiana

O Rio Grande do Sul é rico em atrações para todo o tipo de turista. De crianças à adultos e idosos, sempre tem alguma coisinha bacana para se conhecer por aqui. Fui convidada para uma Press Trip à Bento Gonçalves, para conferir de perto a Reinauguração do Parque Temático Epopeia Italiana, revitalizado e modernizado depois de 14 anos de funcionamento. O espaço tem 2.000m², dividido em nove ambientes montados para representar cidades, matas, portos e navios que fizeram parte da história da imigração italiana ao Brasil, a partir de 1875.

© sergioazevedo2017

A ambientação do início do passeio se passa na Itália

O Grupo Giordani Turismo investiu pesado para modernizar o espaço. Novos sistemas de luz e som, revitalização dos cenários, novo vídeo e muita emoção, fazem parte do local. Ao entrar no parque, o turista é conduzido por diversos momentos da história de Lázaro e Rosa, um dos primeiros casais que chegou ao Brasil, depois de 36 dias de viagem e mais 10 dias a pé, até finalmente chegar a Bento Gonçalves. Com a promessa de fartura e paraíso, os italianos deixaram seu país para começar uma nova vida, porém, ao chegar ao Brasil, se depararam com muita dificuldade, pouquíssima estrutura e muito trabalho duro pela frente.

© sergioazevedo2017

Até Neve Cenográfica encanta adultos e crianças

Foi muito emocionante pensar em todos esses perrengues, da mesma forma que deve ter sido para meus antepassados. Em diversos momentos, meus olhos se enchiam de lágrimas por lembrar das histórias de fome, de falta de emprego e da decisão por deixar o seu país para perseguir algo melhor. Os imigrantes alemães chegaram cerca de 50 anos antes dos italianos e também tiveram que construir suas vidas do zero, sem qualquer auxílio.

© sergioazevedo2017

Entrar dentro de um porão de navio como aquele onde 20 famílias viajaram por 36 dias

Com a apresentação simpática de um ator que representa Lázaro, o grupo vai sendo conduzido para dentro da história de forma emocionante, sensorialmente. Os ambientes são caprichosamente montados, com luz e som fazendo parte da experiência para todas as idades. O espetáculo dura em torno de 30 minutos.

O ingresso para o passeio custa R$ 25,00. Crianças até 5 anos não pagam.

As apresentações são feitas em horários pré-determinados.

Para mais informações: www.giordaniturismo.com.br/epopeiaitaliana/

E aí? Pensando em passear por estes lados? Conta nos comentários o que você gostaria de ver! Antes de terminar o ano farei uma pequena trip na Serra Gaúcha, vou contar tudo para vocês por aqui e pelas minhas redes sociais, então segue lá! 🙂

Até o próximo post!

Todas as fotos são de Sergio Azevedo.

 

Para fãs de Harry Potter, é o que faltava

Como todo mundo sabe por aqui, eu sou fã do universo Harry Potter desde o início da minha vida de leitora. Não foi o primeiro livro que li, mas um dos primeiros (outra hora conto qual foi o primeiro da minha lista).

Quando criança, o mundo mágico me encantou de uma forma que tudo virou motivo para brincar de bruxaria: um livro antigo na biblioteca da família era transformado em livro de poções mágicas. Um casacão preto era a veste da escola de magia e bruxaria de Hogwarts. Uma pena encontrada no chão era a minha caneta. E assim foi. O que me fez amar a literatura fantástica influenciou até mesmo meu estilo de escrever.

20476631_1379837295403334_3171289246067230590_n

Arte do Evento no Facebook

Agora, sempre que encontro algum evento bacana sobre Harry Potter, acho válido incluí-lo aqui no blog. Potter fãs, preparem-se. Porque a Movetur e a Armada Hogwarts apresentam: Magical Day, dia 02 de setembro.

Uma viagem imersiva para o castelo mais amado do mundo bruxo. Um dia cheio de surpresas embarcando no Expresso e terminando com um jantar encantado no salão do castelo. Com participação especial de Renie Santos e o elenco de A Very Potter Musical Brasil. Ai meu coração.

00063_1-1296828890

Maria Fumaça de Bento Gonçalves / Carlos Barbosa |  Créditos: Jeferson Sold

O pacote dessa galera inclui o Passeio no Expresso Mágico (Maria Fumaça de Bento Gonçalves/RS), um Jantar temático de boas vindas no castelo Cave de Pedra (bebidas não inclusas), o Seguro Viagem, Números musicais ao vivo de A Very Potter Musical Brasil e toda a Tematização especial da Armada Hogwarts, sempre impecável. 😉

foto_05_8

O Jantar será realizado dentro da Vinícola Cave de Pedra, um castelo em meio aos vinhedos

O transporte de ida e volta saindo de Porto Alegre é opcional. A saída é às 12h e o retorno marcado para 23h30 em Porto Alegre. Os preços são um pouco salgados, mas eu entendo que seja um trabalho muito especial, um pacote diferenciado e de imersão nesse mundo. R$ 419,00 com transporte de ida e volta e R$ 365,00 sem o transporte.

Os ingressos podem ser comprados neste link: http://bit.ly/2vjwQmN

Estou juntando minhas moedas pra ir. 🙂

Obrigada pela leitura! Até o próximo post!